Blog

5 coisas que toda pequena loja virtual precisa saber

Por Equipe Digital Hub
pequena loja virtual
Fonte: reprodução.

Obviamente o mercado para uma pequena loja virtual é mais difícil do que para uma empresa grande e reconhecida no mercado, mas isto não é motivo para entrar em pânico e muito menos para achar que o seu e-commerce não vai crescer e obter sucesso. Por isto, resolvemos fazer este artigo para te ajudar! Confira a seguir as 5 coisas que toda pequena loja virtual precisa saber:

 

1 # Controle de riscos e redução de custos

 

Uma plataforma de e-commerce não é um sistema simples e barato. Por isso, a melhor opção para quem está iniciando dentro do comércio eletrônico, seja optar por uma plataforma alugada. E elas são um sistema no qual você paga uma mensalidade todo mês por uma plataforma padronizada, algumas empresas até já oferecem uma personalização que permite adaptar o seu site da maneira que você preferir, como nós, da Dual Store, acesse nosso site e confira nossos serviços.

Podemos dizer que este é um serviço “terceirizado”, porém você fica responsável por atividades como por exemplo, inserir itens na loja, estipular regras comerciais (prazo, frete, preço, formas de pagamento, vitrine, entre outros). Nesta fase inicial, é importante você entender que aquilo que você não pode executar, é melhor solicitar a ajuda de terceiros.

2 # Vendendo bem mesmo sendo pequeno

 

O primeiro passo para isso, é não tentar competir com lojas grandes. O ideal é trabalhar dentro de um segmento de produtos onde essas lojas maiores não atuem ou se for o caso, trabalhar com produtos com menos profundidade para essas lojas. Você pode trabalhar com singularidades e possuir uma grande diversidade dentro dela. O que pode ser uma grande oportunidade para se aproveitar as vantagens dos nichos de mercado dentro do e-commerce.

O pior problema para uma pequena loja virtual que trabalha com nichos de mercado, é a logística. Geralmente elas não contam com uma estrutura de controle e logística para funcionar neste canal. Sendo assim, o divisão de serviços se torna imprescindível. Para que a logística externa possa ser simplificada e para que sua pequena loja virtual possa pagar menos frete, itens com um peso acima de 30 kg ou volume acima de 0,1 m3, devem ser evitados.

É importante que você entenda que especialidades necessitam de catalogação, ou seja, uma descrição mais técnica do item é essencial para informar segurança ao consumidor e mostrar a seriedade da sua pequena loja virtual. Exemplos de especialidades: roupas para academia, equipamentos esportivos, equipamentos de caça e pesca, material eletrônico, entre outros.

3 # Pedido registrado não é sinônimo de pedido faturado

 

Muitos comerciantes costumam confundir pedido registrado com pedido faturado, mas existe uma grande diferença entre os dois. Pedido registrado é como uma pré-confirmação da venda, já o pedido faturado é quando ocorre o cadastro do mesmo, que significa que a venda foi confirmada.

Empreendedores iniciantes costumam ignorar o sistema anti fraude dos cartões de crédito, porém é imprescindível não esquecer que a operadora do cartão reembolsa o cliente caso ocorra fraude e quem paga essa despesa é a sua loja.

Uma estatística que não podemos ignorar, é que cerca de 30% dos pedidos que não são considerados como fraude são negados por falta de pagamento. Em resumo, de 100 pedidos, somente 64 serão faturados.

4 # Para quem vender?

 

Como seu negócio está no começo, é recomendável que você delimite o seu mercado atuante. Apesar da internet atingir o mundo inteiro, não esqueça que os produtos vendidos precisam ser entregues e é aí que pode se encontrar um problema. Você será capaz de realizar este trabalho exatidão?

É importante lembrar também que devoluções são muito mais habituais no e-commerce, se comparado com o comércio tradicional. Além do mais, existem outros problemas como a qualidade ou até mesmo furto da mercadoria, e até mesmo propaganda enganosa.

5 # Cumprindo seus compromissos

 

Cumprir todos os compromissos da sua pequena loja virtual é essencial para gerar confiança e ganhar credibilidade com o cliente. Compromissos estes que são assumidos com o consumidor após o fechamento do pedido, como por exemplo, o prazo e a entrega do produto solicitado em perfeito estado. Aí você pode pensar que isto é algo bem simples, porém o que você não sabe é que a grande maioria dos lojistas acabam falhando neste item.

Este foi o nosso artigo sobre as 5 coisas que toda pequena loja virtual precisa saber, gostou? Deixe sua opnião e sugestão de tema nos comentários. Até a próxima!

No votes yet.
Please wait...

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *